Finalmente a espera terminou…

Dia 30 de Julho, temos de volta a principal competição de basquetebol do mundo juntamente com uma série de mudanças que visam adaptar a NBA à nova realidade mundial, por culpa da pandemia que afecta a normal conclusão da época de 2019/2020.

Entre estas mudanças temos uma nova redefinição da “Regular Season”, sendo que apenas foram convidadas a estarem presentes em Orlando (o local onde se vai concluir esta época desportiva) as equipas que ainda tinham aspirações a um lugar nos Playoffs. Assim sendo, ao invés das 30 habituais, foram convidadas as seguintes: Milwaukee Bucks, Toronto Raptors, Boston Celtics, Miami Heat, Indiana Pacers, Phileadelphia 76’ers, Brooklyn Nets, Orlando Magic e Washington Wizards representando a conferência Este, e Los Angeles Lakers, Los Angeles Clippers, Denver Nuggets, Utah Jazz, Oklahoma City Thunder, Houston Rockets, Dallas Mavericks, Memphis Grizzlies, Portland Trail Blazers, New Orleans Pelicans, Sacramento Kings, San Antonio Spurs, Phoenix Suns representando a conferência Oeste. Estas equipas vão disputar, cada qual, oito encontros na fase regular, com a possibilidade, depois, de o oitavo e nono de cada conferência efetuarem mais jogos para determinar o derradeiro apurado de cada. Os moldes dos Playoffs mantêm-se inalterados sendo jogados à melhor de 7 jogos, estando a final da NBA prevista para o periodo entre 30 de Setembro e 13 de Outubro.

 

Entre os principais candidados ao titulo, as apostas recaem sobre os LA Lakers, LA Clippers e os Milwaukee Bucks, embora não se deva menosprezar equipas como os Toronto Raptos (actuais campeões), Boston Celtics, Philadelphia 76rs e Houston Rockets que certamente terão uma palavra a dizer nos Playoffs. Outra das condicionantes que poderemos notar este ano, serão os jogadores que estarão a considerar a hipotese de não se juntarem às respectivas equipas por receios em termos de saúde, sendo que esta opção por parte dos mesmos não será “castigada” pela National Basketball Association. Contudo, e enquanto apostador, estas ausências poderão ser importantes tanto para as analises que fazemos em formato pré-game, como para a rotatividade das equipas, o que acaba por tornar este regresso numa especia de “nova época” e por conseguinte a obrigatoriedade de termos uma atenção redobrada para o tipo de apostas que faremos a partir do final de Julho.

Como amante da competição, este regresso era muito desejado. A partir de dia 30 deste mês poderão contar com o regresso das nossas pre-lives no canal oficial de NBA do Blessed Tips, juntamente com algumas novidades que brevemente iremos revelar

WE LOVE THIS GAME